sábado, 25 de abril de 2020

Inter esbarrou em ídolo na tentativa de contratar jogador do Flamengo



O Internacional negociou a contratação de Willian Arão durante a temporada passada e chegou a ter acordo com o volante do Flamengo . A transferência só não ocorreu pela posição de Abel Braga, ídolo no estádio Beira-Rio, e então treinador do time rubro-negro. O plano era ter o ex-jogador do Botafogo como parceiro de Edenilson no meio-campo.


A informação foi revelada ao UOL Esporte por um dos envolvidos na operação. À época, o Inter negou com veemência as tratativas.

Na virada de 2018 para 2019, o Internacional chegou a ter salários acertados com Willian Arão. O acordo com o Flamengo era costurado para envolver jogadores que estavam no elenco então comandado por Odair Hellmann. Mas a contratação de Abel Braga pelo clube da Gávea fez as conversas esfriarem.


Ao Beira-Rio chegou a informação de que Abel queria contar com Arão. Não iria ceder o jogador, mesmo com aval prévio dos dirigentes.

No início do ano passado, sem a liberação do Fla, o Inter correu para contratar outros jogadores da função. O clube fechou com Matheus Galdezani, do Coritiba , e Rodrigo Lindoso, do Botafogo. Mas na metade de 2019 voltou a sondar a situação de Arão.

Abel Braga comandou o Internacional por sete vezes e na mais recente trabalhou com os dirigentes que à época tentaram Willian Arão. Campeão da Copa Libertadores e do Mundial de Clubes em 2006 pelo Colorado, o treinador atualmente está desempregado.


Fonte: Uol

Curta nossa Página




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário