sábado, 18 de abril de 2020

Bruno Guimarães relembra início no futsal do Flamengo: 'Era capitão e não me convidaram para o campo'



Titular da Seleção Brasileira e do Lyon, o meia Bruno Guimarães acaba de chegar na França e já vai atraindo os holofotes. Com a pausa do futebol, o jogador falou sobre seu início no Flamengo.


Em entrevista ao canal de Zico, Bruno contou que chegou a conciliar o futsal no Flamengo e o futebol de campo no CFZ. O jogador chegou a fazer um pequeno treino para o futebol de campo, mas pela quantidade de garotos no teste, acabou desistindo.

- Eu já estava no salão do Flamengo. Eu jogava no campo do CFZ e no salão do Flamengo. Eu cheguei a ir no campo (do Flamengo) e tinha mais de 80 moleques no Flamengo. Eu treinei 20 minutos e falei: "Pai, olha quanta gente tem, melhor a gente ir embora porque não vai dar certo não" - afirmou.


Bruno também revelou uma pequena mágoa com o Flamengo. Mesmo sendo capitão do time de futsal e conquistado diversos títulos em suas categorias, ele nunca foi convidado para migrar para o futebol de campo.

- Uma das coisas que me chateou um pouco foi que eu sempre joguei futebol de salão no Flamengo, era o capitão e já tinha ganho um monte de coisas, mas nunca me convidaram para o futebol de campo através do futebol de salão. A gente sabe que o futebol de salão rende muitos jogadores para o futebol de campo. Mas sempre que eu estive no Flamengo, eu lembro que nunca comentaram sobre o assunto. Na época, eu fiquei bastante chateado, mas hoje em dia, vida que segue. Só torço de longe pelo sucesso do clube - encerrou.


Fonte: Lance!

Curta nossa Página



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário