sábado, 12 de outubro de 2019

Mapa de calor revela que atacante do Atlético/MG passou mais tempo na área defensiva que Pablo Marí



Por: Higor Neves / Coluna do Fla: O Flamengo encarou o Atlético-MG na noite da última quinta-feira (10), em um duelo que indicava uma disputa entre duas equipes grandes. Porém, entre as quatro linhas, o time de Belo Horizonte se apequenou e, apesar de ter marcado um gol na derrota por 3 a 1, pouco ameaçou o Fla. A postura atleticana foi tão defensiva, que o atacante Ricardo Oliveira passou, proporcionalmente, mais tempo na grande área defensiva do que o zagueiro Pablo Marí.

Prejudicado por um esquema que chegou a colocar dez jogadores dentro da área defensiva, Ricardo Oliveira não teve oportunidade de gol e atuou por apenas 45 minutos. Em seu mapa de calor, não há pontos intensos. No entanto, é possível perceber que, na maior parte do período em que esteve em campo, ficou mais no setor defensivo.

Mapa de calor de Ricardo Oliveira durante Flamengo 3×1 Atlético-MG (Imagem: Sofascore)

Se o camisa 9 do Galo esteve na defesa, o zagueiro Pablo Marí passou a maior parte do tempo no setor de meio campo, como um volante. Na partida, o espanhol realizou 70 passes, enquanto o centroavante tocou para um companheiro por apenas uma vez.
Mapa de calor de Pablo Marí durante Flamengo 3×1 Atlético-MG (Foto: Sofascore)

Mais líder do que nunca, o Flamengo tem agora oito pontos de vantagem para o Santos, que reassumiu a vice-liderança após bater o Palmeiras. Para tentar seguir com a ampla folga, o Fla se prepara para encarar o Athletico Paranaense, na Arena da Baixada, em partida marcada para as 16h do próximo domingo (13).



Fonte: https://colunadofla.com/2019/10/em-flamengo-x-atletico-mg-atacante-ricardo-oliveira-ficou-mais-tempo-na-area-defensiva-do-que-pablo-mari/ | Foto: Bruno Cantini

Curta nossa Página




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário