quarta-feira, 3 de abril de 2019

Ainda internado após incêndio no Ninho, Jhonata Ventura volta para UTI por causa de pancreatite



Único sobrevivente da tragédia no Ninho do Urubu que ainda está internado, Jhonata Ventura foi transferido para a UTI do Hospital Vitória na noite da última terça-feira. O zagueiro foi diagnosticado com uma pancreatite medicamentosa.



A mudança para a Unidade de Tratamento Intensivo se deu depois que o garoto sentiu fortes dores abdominais e passou o dia com vômitos. Jhonata passou por uma cirurgia corretiva e estética no braço para colocação de enxertos de pele. O jovem jogador tomava antibiótico há 14 dias para eliminar uma bactéria que estava alojada no local. Foi justamente depois da cirurgia que começou a passar mal.

Ainda não há detalhes sobre quanto tempo ele ficará internado na UTI, mas nesta quarta-feira ele passará por mais exames. Antes da operação havia a expectativa de que Jhonata recebesse alta por volta do dia 10, mas a internação deve estender esse prazo.

Na tarde desta quarta-feira, o Flamengo publicou um boletim médico em seu site oficial.

"Paciente há 55 dias, internado com 30 % do corpo queimado e via aéreas atingidas, Jonatha Cruz Ventura foi submetido na última segunda feira a cirurgia reparadora no membro superior direito e na orelha direita. Nas últimas 24h evolui com dor abdominal e, após investigação diagnóstica, está com suspeita de pancreatite medicamentosa, já tendo sido iniciado tratamento conservador.




Jonatha hoje apresenta melhora da dor abdominal. Está estável hemodinamicamente e sem antibióticos. Ficará em vigilância na unidade semi-intensiva nas próximas 48h para observação. O paciente segue internado em observação e o prognóstico da cirurgia a ser feita continua mantido para a próxima segunda-feira. Em relação à pancreatite, é preciso aguardar a evolução nas primeiras 48h para um melhor prognóstico. No momento não apresenta critérios de gravidade. Segue em cuidados."


Visita especial em março
No meio do mês passado, Diego e Juan foram até o hospital que Jhonata estava internado para fazer uma visita ao garoto. O jovem ganhou uma camisa autografada, tirou fotos com os jogadores e depois gravou um vídeo, publicado em suas redes sociais, onde falou pela primeira vez após a tragédia.

- Fala, nação. Aqui quem está falando é o Jhonata. Passar que estou bem, estou me recuperando muito rápido e daqui a pouco estou aí para fazer o que eu amo. Estamos juntos.

Jhonata Ventura recebeu a visita de Juan e Diego no meio de março — Foto: Reprodução / Instagram
Jhonata Ventura recebeu a visita de Juan e Diego no meio de março — Foto: Reprodução / Instagram



Jhonata teve cerca de 30% do corpo queimado e ficou em tratamento no Centro de Tratamento de Queimados do Hospital Pedro II, em Santa Cruz. Com ferimentos visíveis nos braços e mãos, o zagueiro demonstrou confiança e disse estar se recuperando bem para logo voltar à rotina normal. Ele é o único internado do incêndio de 8 de fevereiro. Os outros dois feridos, mas de menor gravidade, Cauan Emanuel e Francisco Dyogo já se reapresentaram ao elenco sub-17.

Entenda o caso
Um incêndio de grandes proporções atingiu o Ninho do Urubu, centro de treinamento do Flamengo em Vargem Grande, Zona Oeste do Rio de Janeiro, na madrugada do dia 8 de fevereiro. O Corpo de Bombeiros foi chamado às 5h17 e informou que 10 pessoas morreram, todos jogadores da base do clube entre 14 e 16 anos. Três jovens entre 14 e 15 anos também ficaram feridos, um deles, Jhonata, em estado grave. No momento do incêndio, havia 26 garotos no alojamento.

Dez mortos: Christian Esmério, 15 anos; Arthur Vinícius de Barros Silva Freitas, 14 anos; Pablo Henrique da Silva Matos, 14 anos; Bernardo Pisetta, 15 anos; Vitor Isaias, 15 anos; Samuel Thomas Rosa, 15 anos; Athila Paixão, 14 anos; Jorge Eduardo, 15 anos; Gedson Santos, 14 anos; e Rykelmo Viana, 16 anos.


Fonte: https://globoesporte.globo.com/futebol/times/flamengo/noticia/ainda-internado-apos-incendio-no-ninho-jhonata-ventura-volta-para-uti-por-causa-de-pancreatite.ghtml

Curta nossa Página




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário