quinta-feira, 28 de março de 2019

Técnico Abel Braga realizará ablação e tem alta prevista para domingo



Chefe do departamento médico do Flamengo, o Dr. Márcio Tannure atualizou o estado de saúde de Abel Braga. O técnico, internado após uma arritmia no Fla-Flu, passa bem e realizará nesta sexta-feira uma ablação, procedimento para resolver em definitivo a patologia. O médico explicou que o treinador poderá seguir a carreira sem problemas após o tratamento e Abel deve receber alta neste domingo. Até lá, segue internado no Hospital Pró-Cardíaco, em Botafogo.



- Ontem, no jogo, Abel Braga teve um mal-estar e foi atendido pelos médicos do clube e do Maracanã. Depois desse primeira atendimento, foi encaminhado para o Pró-Cardíaco, foi contactado o médico pessoal e todos exames e diagnósticos foram realizados. Apresentou um quadro de arritmia, que é uma disfunção no ritmo cardíaco. Hoje, realizou cardio-versão e está estável, com o ritmo cardíaco normal - disse o Dr. Márcio Tannure, antes de completar:

- Para resolver de maneira definitiva, foi conversado com o médico e família, e decidido fazer uma ablação. Um procedimento definitivo para esse tipo de patologia. Abel teve isso em 2015 e vinha acompanhando desde então. Chegou o momento de tratar de forma definitiva. Uma vez feito esse procedimento, estará liberado para levar vida normal. Não vai impedir a carreira - explicou.



A ablação é realizada por meio de cateteres e, por não ter a necessidade de abertura do tórax para acesso ao coração, possibilita uma rápida recuperação. Os cateteres são posicionados no foco de arritmia e há uma “queima” no local, eliminando a arritmia. Segundo Dr. Tannure, a situação é parecida, mas não idêntica a vivida por Muricy Ramalho, em 2016, como treinador do Flamengo. Após o episódio, o Muricy, hoje comentarista, decidiu por encerrar a carreira.

Para quarta-feira, quando o Flamengo enfrenta o Peñarol, do Uruguai, pela terceira rodada do Grupo D da Copa Libertadores, a situação está indefinida. A expectativa é de que Abel Braga esteja liberado, mas o departamento médico do clube da Gávea aguarda a realização - e o sucesso - da ablação nesta sexta.



LEOMIR COMANDA TREINO E IRÁ PARA A FINAL

No Ninho do Urubu, os jogadores que foram titulares diante do Fluminense fizeram apenas uma atividade regenerativa no CEP Fla. Além deles, Trauco e Cuéllar trabalharam na academia. Os dois retornaram dos amistosos pelas seleções do Peru e da Colômbia e voltam a estar à disposição do Flamengo.

Em campo, o auxiliar Leomir assumiu o comando do trabalho na ausência de Abel Braga. Diego e Gabigol, além dos jogadores que não atuaram por 90 minutos no clássico, como Bruno Henrique e Arrascaeta, fizeram um treino de movimentação e passes. Depois, o camisa 10 e o meia uruguaio treinaram finalizações, assim como o volante Hugo Moura e o atacante Vitor Gabriel.

Com Leomir no comando, o elenco rubro-negro volta a trabalhar na tarde desta sexta-feira. No sábado, às 9h30, realiza o último treino antes da decisão da Taça Rio. Com foco voltado para o jogo da Libertadores contra o Peñarol, do Uruguai, na quarta-feira, o Flamengo atuará na final com uma equipe reserva.


Outras respostas do Dr. Márcio Tannure, chefe do departamento médico:

Previsão de alta?
Previsão de ficar internado até domingo, quando recebe alta. Isso é uma previsão acreditamos que domingo seja liberado para ter alta.

Comanda o time contra o Peñarol, na quarta-feira?
É cedo para falar qualquer coisa. É um procedimento simples. Em teoria, ele estaria liberado em breve. Esperamos que dê tudo certo. Esperamos que sim. Temos que conversar com o médico dele para tomar a decisão em conjunto.

Mesma situação vivida por Muricy Ramalho, em 2016?
Não foi a mesma patologia, mas parecidas. Acho que não foi só uma questão de gravidade. Envolvem questões pessoais, difícil de comparar. Tratando, estável, teria condições também de trabalhar. Está fazendo isso de maneira normal.



Se receber alta, Abel poderá ir ao Maracanã no domingo?
Não. Pela TV ele vai estar assistindo, mesmo eu dizendo que não seja indicado.

O MAL-ESTAR DE ABELÃO NO FLA-FLU

Após o mal-estar durante o jogo, Abel Braga recebeu o primeiro atendimento ainda no Maracanã, com os médicos de Flamengo e Fluminense, e deixou o estádio de ambulância. De cadeira de rodas, o treinador sorriu e fez sinal de positivo para os que acompanharam sua saída do vestiário. O técnico foi internado no Hospital Pró-Cardíaco, em Botafogo, na madrugada de quinta-feira e realizou exames pela manhã.

Amigos e familiares visitaram Abelão. Fábio Braga, filho do treinador, Marquinhos Lopes, preparador de goleiros com quem trabalhou por anos, estiveram presentes, assim como Marcos Braz e Carlos Noval, vice-presidente e diretor de futebol do Flamengo, respectivamente, que foram ao hospital logo após o Fla-Flu.


Fonte: https://www.lance.com.br/flamengo/abel-braga-carioca-libertadores.html

Curta nossa Página




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário